Parcerias – Uma estratégia de futuro.

29.06.2017

 

 

Há quanto tempo você está instalado com o seu pequeno negócio na mesma localidade? Você conhece os empreendedores da sua rua? E da sua quadra? Sabe quem são seus concorrentes próximos ou as empresas que podem ser parceiras?

Deveria. Cada vez mais as parcerias comerciais se tornam uma prática comum.

 

Vamos entender um pouco mais sobre essas parcerias com um exemplo prático:

No restaurante próximo à minha casa, a comanda em que é registrado o consumo tem um ticket destacável com uma oferta de desconto na compra de combustível em um determinado posto que está localizado a 500 metros dali. Perguntei ao proprietário, curioso que sou, se era o dono daquele posto. Ele me respondeu: “quem me dera!” seguido de risos. Contou-me que fez uma parceria com o dono do Posto e explicou-me como foi.

 

Ambos têm concorrentes próximos, então, em busca de um diferencial, se uniram. O posto oferece um desconto aos clientes do restaurante em troca da propaganda. Já o restaurante agrega valor para seu cliente, pois seus concorrentes não têm descontos a oferecer. Como as comandas são numeradas, eles sabem quantos clientes alcançaram com essa parceria.

 

Muitos pequenos negócios vêm adotando esta estratégia, como academias de ginástica que divulgam benefícios junto a salões de beleza que realizam massagens ou lojas de artigos esportivos. Prestadores autônomos de serviços também realizam parcerias, como um encanador, um pintor e um pedreiro que se tornaram parceiros de uma loja de material de construção, ou doceiras que se unem a negócios que organizam festas.

 

E quanto aos concorrentes? Até mesmo os concorrentes diretos podem se tornar parceiros. Existem vários concorrentes diretos que fizeram parcerias para realizar compras em conjunto ou vendas de forma coletiva. O que está esperando para conhecer seus vizinhos?

Please reload